Diamante - Operador Logístico

Operador logístico: diferencial para alcançar competividade

Terceirização do transporte traz diversos benefícios para as empresas, como redução de custos e segurança para a carga

Publicado por Diamante
Categoria:

A crescente competitividade tem feito as empresas irem em busca de aumentar sua produtividade, com custos controlados, e se manterem na dianteira quando o assunto é ganhar espaço no mercado em que atuam. Para terem foco exclusivo em seu negócio, muitos serviços acabam sendo terceirizados. A logística é uma delas. Segundo especialistas, ela permeia várias atividades que integram o processo de venda e distribuição das companhias, o que impacta a lucratividade das empresas, além da percepção de qualidade por parte dos clientes. Além disso, surge como ponte capaz de conectar as companhias à eficiência global.

E, nesse cenário, entram os operadores logísticos – empresas especializadas em oferecer soluções para o transporte de carga – que trazem soluções de menor custo e alta eficiência em várias etapas do processo de transporte. Segundo Caio Cantú, diretor de Negócios e CSC da Diamante, o operador logístico atua em toda a cadeia de suprimentos, envolvendo um trabalho que vai desde o cuidado com as matérias primas e insumos de produção, até a entrega do produto final. “Transporte inbound/outbound, transferências entre fábricas e CD´s, armazenagem, recebimento, separação de produtos, montagens de kits e embalagens, gestão do abastecimento das linhas de produção e terceirização operacional são algumas das principais atividades que um operador logístico oferece ao seu cliente”.

O operador logístico atua em toda a cadeia de suprimentos, envolvendo um trabalho que vai desde o cuidado com as matérias primas e insumos de produção, até a entrega do produto final.

Logística e Planejamento

Quando a logística não vem acompanhada de expertise, a chance de uma operação mal planejada pesar no bolso do cliente é grande. “Principalmente quando se fala no incremento de custo, maior risco de roubo de carga, avarias de produtos no transporte, coletas e entregas realizadas fora do prazo acordado”, destaca Caio.
Para o diretor da Diamante, o benefício de contar com o trabalho de um operador logístico para o transporte de carga nem sempre está somente no custo direto do transporte ou armazenagem. “Está nos incentivos fiscais que se pode buscar com operações em outros estados com estoque avançado e faturamento regional, além de custos ‘ocultos’ quando se possui uma operação primarizada. Em uma estratégia de terceirização, esses custos são, em grande maioria, repassados ao operador, como por exemplo, as avarias que ocorrem dentro do armazém logístico”.

Com quase 50 anos de mercado, a Diamante – hoje resultado da fusão entre a Dialog Logística e a Transportes Diamante – ganhou robustez e sinergia operacional e está investindo fortemente em tecnologia para se manter competitiva no mercado de terceirização. “Estamos trocando o sistema ERP da empresa. Com isso, nosso TMS e WMS se tornarão sistemas totalmente integrados, algo que é fundamental para o trabalho bem-sucedido de um operador logístico”, conclui Caio.

Deixe uma resposta