Pedido Perfeito

Pedido Perfeito: um KPI que faz a diferença

Um Pedido Perfeito bem executado garante o cumprimento com excelência de todas as etapas da entrega de um produto/pedido ao cliente

Postado por Diamante
Categoria:

A armazenagem de produtos sofreu mudanças significativas nos últimos anos. De um simples local para a estocagem dos produtos, se tornou um importante regulador da cadeia logística, com vários processos que hoje são fundamentais para garantir que o ciclo de transporte do produto seja completado com maestria. O fator principal que impulsionou essa transformação foi a competitividade, de acordo com Caio Cantú, diretor de negócios e CSC da Diamante.

O mercado mais exigente, seja no âmbito B2B ou B2C, levaram as indústrias a repensar a cadeia logística como um todo. “Acuracidade de estoque, informação em tempo real e nível de serviço são alguns dos pontos procurados pelas empresas que optam por terceirizar seu estoque, seja de matéria-prima e insumos ou de produto acabado”, analisa Caio.

Nesse sentido, um dos KPI’s mais importantes a serem adotados em um armazém é o Pedido Perfeito – ou Perfect Order, em inglês. Mede a porcentagem de pedidos entregues no prazo negociado com o cliente, além de suas condições: completo, sem avarias e problemas na documentação fiscal. “O Pedido Perfeito é reflexo de acuracidade e eficiência. Evita custos com logística reversa de produtos expedidos de forma equivocada e retrabalhos internos de um novo picking para ajustar uma separação feita incorretamente”, pontua Caio.

Além dos pontos mencionados por Caio, o Pedido Perfeito favorece ainda o dinamismo da operação interna do armazém. Um ponto fundamental é que esse KPI atende às expectativas do cumprimento do prazo de entrega do produto, uma vez que o pedido foi separado dentro do SLA estabelecido pelo cliente para a disponibilização do pedido para a coleta da transportadora.

A medição de um Pedido Perfeito pode ser diária, mensal, semanal, por cliente, linha de produto ou total.

Características de um Pedido Perfeito

  • Acuracidade no recebimento do pedido e lançamento no WMS para gerar o picking list pela separação correta desse produto no estoque.
  • Disponibilização do produto para a expedição no prazo correto.
  • Estar sem danos e/ou avarias.

Cálculo de um Pedido Perfeito:

PP = Número de Pedidos Perfeitos Entregues x 100
                        Total de pedidos expedidos

Métricas alinhadas

Para obter um Pedido Perfeito, o processo tem início a partir do momento da entrada do produto no armazém. “O produto deve ter seu cadastro completo dentro do WMS, com todas as informações necessárias para o controle correto do estoque, além de dados específicos como validade, lote, número de série, etc”, explica Caio.

Após o cadastro completo, o próximo passo é a conferência dos materiais no ato do recebimento do produto no armazém. “Isso evita divergências entre os dados físicos e sistêmicos”, enfatiza Caio. Segundo ele, a estocagem também tem um peso importante dentro desse cenário. “É fundamental armazenar o produto no endereço correto e registrado no WMS”, complementa.

E, por fim, a realização de um picking completa o ciclo. “Ele deve ser feito de forma assertiva, além de uma conferência antes da liberação do pedido para expedição”, conclui.

Este site utiliza cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer recursos de mídia social e analisar nosso tráfego. Também compartilhamos informações sobre o uso do nosso site com nossos parceiros de mídia social, publicidade e análise, que podem combiná-lo com outras informações que você forneceu a eles ou que eles coletaram com o uso de seus serviços. Você consente com nossos cookies ao clicar em aceitar e continuar a usar o nosso site.
10 Indicadores de Desempenho em Logística